http://www.enotel.com/

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

A importância do Espírito de Equipe

Nunca se falou tanto sobre a importância do trabalho em equipe como agora. No setor empresarial, a procura por indivíduos que tenham habilidade para trabalhar em conjunto é cada vez maior e os próprios profissionais apontam esta característica como uma competência essencial. Somam-se numa equipe variadas experiências e comportamentos que, se bem aproveitados, trazem resultados superiores nas mais diversas situações.“Hoje as empresas contratam pessoas que saibam trabalhar
em equipe e produzam resultados eficazes para o setor ”

Mas engana-se quem ainda pensa que equipe é somente o conjunto de pessoas que atuam juntas num determinado projeto, cada qual na sua função. O significado mudou e agora é bem mais amplo: a idéia é que haja um “espírito” de equipe: cada integrante deve saber qual é a sua atuação no grupo, mas considerando o todo e colaborando com idéias e sugestões para soluções eficazes e criativas.
Manter uma equipe coesa não é tarefa das mais fáceis. Somos seres humanos e temos nossas diferenças, mas um grande passo para a união é sabermos conciliá-las. É bom lembrar que uma equipe perfeita é aquela com maior diversidade de características e experiências entre os seus membros. Porém, o grupo deve ter predisposição para discutir diferentes assuntos, flexibilidade, capacidade de tratar as informações racionalmente – e não emocionalmente – aceitar críticas honestas e opiniões conflitantes. Equipes que encorajam esse tipo de prática vão aproveitar ao máximo as habilidades individuais dos integrantes.
Toda equipe tem um líder natural e deve ter também seus tripulantes (onde cada um tem a sua função) e não só passageiros. A diferença pode ser sutil, mas é significativa: os passageiros ficam encostados à janela do avião, esperando a magnífica aterrisagem, dirigida pelo comandante, mas os tripulantes colaboram com o comandante e com o sucesso da aterrisagem.
Por isso, é preciso saber que o resultado de um trabalho em equipe, além de contar com todos os integrantes está também condicionado a alguns fatores, que resumidamente são: estabelecer meta (antes de iniciar qualquer trabalho, a equipe precisa estabelecer um objetivo claro a ser cumprido), comunicação ( transparente e franca) e cooperação e execução. Se algum desses fatores tiver alguma falha e não for corrigida a tempo ela aparecerá no resultado final, e aí, adeus a todo o trabalho.
Para que isso não venha a acontecer, e a equipe cumpra seus objetivos, cada integrante deve se preparar para ser o melhor. Muitos confrontos vão surgir no caminho, mas devem ser resolvidos, pois nada é impossível quando existe um “espírito de equipe”.
Fonte: www.leilanavarro.com.br

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Você é um profissional Jack Bauer?



É a primeira vez que vejo um comparativo da performance desse agente secreto americano com o mundo corporativo.
Simplesmente muito interessante esse texto abaixo publicado por Leandro Vieira. Vale a pena conferir.
__________________________________________________________________________

Em apenas um dia, Jack Bauer consegue salvar os Estados Unidos de ataques terroristas - não apenas uma, mas diversas vezes, evita atentados à vida do presidente, identifica traidores, interroga suspeitos, invade embaixadas, foge de prisões, infiltra-se em grupos inimigos e, no fim de 24 horas, consegue dar conta de todos os desafios. Nenhum outro personagem do cinema ou televisão é tão eficaz quanto Jack Bauer.
Peter Drucker foi, sem dúvidas, o pensador que mais bateu na tecla sobre a importância da eficácia. Segundo o pai da administração moderna, eficácia significa fazer as coisas acontecerem. Só isso? Exatamente. Parece simples, mas poucos são os profissionais que realmente têm a capacidade de fazer o que tem que ser feito e entregar resultados satisfatórios. A boa notícia é que a eficácia é um hábito que podemos adquirir como adquirimos qualquer outro hábito, ou seja: a partir da prática.

Drucker aponta cinco práticas essenciais para qualquer pessoa se tornar um profissional eficaz. Vamos ver como Jack Bauer lida com cada uma delas?

- Gerenciar o tempo - O tempo é um recurso limitante e totalmente irrecuperável. "Se você não souber gerenciar o seu tempo, não poderá gerenciar coisa alguma", diria o professor Drucker. Em 24 Horas, o relógio corre literalmente contra Jack Bauer, o que faz da gestão do tempo uma questão de vida ou morte para o agente da CTU.
- Esforçar-se para dar contribuições - O foco na contribuição é a chave da eficácia. Significa transferir a atenção do profissional de sua própria função, de sua especialidade específica, para o desempenho da empresa como um todo. Drucker recomenda que se faça sempre a seguinte reflexão: "que tipo de contribuição posso oferecer que afetará de forma significativa o desempenho e os resultados da empresa em que trabalho?". Bauer tem uma clara noção do todo. O personagem nunca se esquiva de uma missão importante com a desculpa de que "isso não faz parte do meu trabalho, não sou pago para isso".

- Tornar produtivos os pontos fortes da organização - Nada se constrói sobre a fraqueza e, para conseguir resultados, devemos usar todas as forças disponíveis - a dos colegas, a dos superiores e a nossa própria. O executivo eficaz não toma decisões sobre pessoal para diminuir fraquezas, e sim para aumentar a força da empresa. Nesse ponto, o personagem de Jack Bauer encarna o verdadeiro gerente eficaz de Drucker. Bauer costuma tomar a frente das operações, faz questão de trabalhar apenas com os seus melhores colegas (e respeita e reconhece as competências de cada um), questiona e influencia a ordem de seus superiores - o que inclui até mesmo o presidente dos Estados Unidos! - e, por fim, tem consciência de seus próprios pontos fortes e os coloca totalmente à serviço da "organização" (no caso, a CTU e os EUA).
- Concentrar seus esforços nas tarefas mais importantes para atingir resultados - Um dos segredos da eficácia reside na concentração dos esforços. Primeiro o mais importante. Devemos saber lidar com a realidade de que sempre há mais coisas a fazer do que tempo disponível para realizá-las. Para sermos eficazes, devemos saber estabelecer prioridades e, também, posterioridades - aquelas tarefas que adiamos ou até mesmo abandonamos. Jack Bauer é um mestre nessa prática. Uma das 24 frases mais ditas em todas as temporadas da série é justamente "I don't have time for this!" ("não tenho tempo para isso!"). Bauer, inclusive, costuma passar por cima de algumas normas e regras burocráticas que podem travar e comprometer o cumprimento de suas missões (um alerta: não tente fazer isso na sua organização!).
- Tomar decisões eficazes - Drucker observa que a decisão certa exige tanto análise quanto coragem. Cada decisão é um julgamento de risco: é um comprometimento de recursos presentes com um futuro incerto e desconhecido. Se o processo de tomada de decisão for cuidadosamente observado e as medidas necessárias forem tomadas, diminui-se o risco e aumenta-se a chance da decisão ser bem-sucedida. Todas as decisões de Bauer são extremamente difíceis e arriscadas, mas o personagem tem consciência de sua importância e não sucumbe com o peso de seu fardo - e não se exime de tomá-las, mesmo que tenha que arcar com severas consequências posteriormente.

"A eficácia dos gerentes é a nossa maior esperança para tornar a sociedade moderna economicamente produtiva e socialmente viável". Peter Drucker

Antes que atirem a primeira pedra, quero deixar claro que devemos guardar as devidas proporções nessa comparação. Jack Bauer é um personagem fictício de uma (viciante) série de televisão. Seus fins sempre justificam seus meios nada ortodoxos. As situações impostas pelos roteiristas sempre colocam Jack entre a cruz e a espada com dilemas morais e éticos complexos do tipo "justifica-se torturar alguém para obter uma informação capaz de salvar milhares de pessoas?". Gostaria que o leitor, sinceramente, não tomasse esse exemplos para condenar o pobre Jack Bauer e esse seu humilde fã que vos escreve. É importante lembrar que Jack Bauer jamais saiu aplaudido ao final das 24 horas. Pelo contrário, no último episódio seus problemas sempre recomeçam... tic-tac, tic-tac, tic-tac.


Abraços!!

Portado por: Alan figueroa

Mauritius Islands (Ilha principal)


Maurício é a mais acessível das ilhas do oceano Índico e tem o mesmos tons degradês turquesas e esmeraldas de Seychelles, mas custa um terço do preço. A Ilha principal, onde se concentram os resorts, tem 330 km de costas rodeadas por belíssimos recifes de corais coloridos com águas transparentes e, pelo menos, dez praias sensacionais ideais para a prática do não-fazer-nada. A Capital do pais, é também maior cidade, é Port Louis que se encontra na região ocidental da ilha. É um pais que possui uma diversidade cultural que encanta os turistas pois misturam a cultura indiana, africana, europeia e chinesa. Além de lindo tem alguns dos melhores e mais sofisticados resorts do mundo.

As Ilhas Mauríitius são reconhecidas pelo seu romantismo. Cada visitante conta com atenção personalizada, e cada encontro é uma oportunidade para achar um rosto feliz. Banhada por águas de verde e azul, e cercada por recifes de coral formando um tranqüilo lago em sua volta, a Ilha Mauritius está a 12 horas do Brasil, via Johannesburg, na África do Sul. Os resorts são os maiores atrativos da ilha, que fazem dela um inesquecível destino de lua de mel. Todos têm uma excelente infra-estrutura e um atendimento de primeira linha e muito, muito conforto. Oferecem à seus hóspedes um grande leque de opções para relaxar. Desde spas, até cassinos, além de esportes náuticos, golfe e outros.




O inglês é a língua oficial, mas a mais usada pela população é, de longe, o francês e sua variante local, o dialeto créole, com forte sotaque africano. O principal produto da Maurícia é o açúcar do qual já foi o 3º produtor mundial. Outros importantes produtos agrícolas são o chá e o tabaco. A economia é diversificada, tendo o turismo como uma das principais atividades económicas. É considerada como zona franca. A gastronomia das Maurícias é uma combinação de cozinhas tão diversas como a crioula, a francesa, a indiana e a chinesa, com natural predominância da primeira. Não será, portanto, invulgar encontrar, lado a lado, um apurado caril de galinha tipicamente indiano, um prato chinês de porco com bambu e afins, um gratinado de batatas com vegetais – de origem francesa – e um bife ou peixe fresco com molho crioulo, carregado de tomate e piripiri.

É um destino para visitar em qualquer época do ano. A temporada mais quente vai de Novembro a Abril, com temperaturas próximas aos 30º C. De finais de Dezembro a finais de Fevereiro existe um risco mínimo de ciclones. A época mais fresca vai de Maio a Outubro. A temperatura da água nunca desce abaixo dos 22ºC. As melhores épocas para ir são na primavera (Abril e Maio) ou no outono(Setembro e Outubro) pois nestes períodos você vai fugir dos ciclones e dos preços mais altos. Fique no mínimo uma semana. Menos que isso não justifica uma viagem tão longa. Não é necessário visto para Maurício e é necessária a vacina contra febre amarela.

As companhias aereas que saem do Brasil para ilhas Maurícias são: South African Airways, Emirates, Lan, Tam. Com preços a partir de U$ 2.200,00 por pessoa e até três escalas que podem ocasionar mais de 13 horas de Vôo por trecho.


PASSEIOS/ENTRETENIMENTO

PRAIAS

Grand Baie

A zona mais famosa e a mais turística. Congrega à sua volta algumas das mais conhecidas unidades hoteleiras, além de restaurantes com sabores provenientes dos quatro cantos do mundo. Nas proximidades fica a Baía das Tartarugas, o nome deve-se aos grandes exemplares que por lá vivem.

Pereybere
Um dos melhores points da ilha. Possui bons restaurantes e pubs.
Belle Mare
Uma extensa faixa de 6 km com areia fina, coqueiros e um impressionante mar azulado frequentado por crianças e adultos. O local está a 30 minutos de carro de Port Louis.

Le Morne
Este paraíso de areia branca é também um bom lugar para mergulho, para fazer apeneia e o melhor lugar da ilha para windsurf e kitesurf. A água é azul, muito transparente e desde a água pode-se ver uma enorme montanha de pedra escura, decorada com um pouco de verde das palmeiras ..... Um local idílico.

Flic and Flac
Uma das Praias mais populares do país que fica do lado ocidental da ilha. Possui um por-do-sol fantástico. Nesta região encontramos alguns dos pricipais resorts da ilha e pontos turísticos obrigatórios.

VISITE

Mercado central Port Louis

Um mercado com produtos variados, frutas, especiarias, peixes, carnes. Uma mistura de cheiros e cores. Aqui, vão poder perceber como a cultura da ilha é uma cultura mista, feita de indianos, imigrantes africanos, malgaxes(de madagascar) e chineses. Vale a pena comprar para trazer de lembrança: bolsas e cestos de palha, favas de baunilha(para fazer bolos, colocar no açúcar), chá de baunilha, rum... entre outras coisas.

La Vanille Réserve des Mascareignes

Este parque no Sul da ilha tem mais de 1.000 tartarugas, 2.000 crocodillos, 20.000 espécies de insetos e borboletas. Programem-se para passar o dia inteiro, pois há muita coisa para ver e vocês podem almoçar por lá mesmo, pois tem restaurante, parquinhos, etc...

Jardim botânico nacional Pamplemousses
O Jardim Botânico, formalmente conhecido como Sir Seewoosagur Botanic Garden, é uma das atrações mais visitadas na ilha Maurícia. O jardim está localizado nas proximidades de Port-Louis, no distrito de Pamplemousse.

Os turistas com interesse na botânica hospedados em hotéis de luxo nas Ilhas Mauritius não podem deixar de visitar este local que foi declarado Patrimônio Nacional e incluso na lista dos dez mais belos jardins de todo o mundo. O parque abriga 500 espécies de plantas, incluindo a famosa Talipot, que floresce somente quando a palmeira tem entre 40 e 70 anos de idade e morre no espaço de cinco anos.

Blue Bay Marine Park
O Blue Bay Marine Park, situado na costa sudeste da ilha Maurícia é um dos melhores lugares para ver a bela vida marinha e mergulhar. O passeio e feito de barco com fundo de vidro que demora em média 2 horas. custa em torno de 15 euros por pessoa.

Grand Bassin
O lago sagrado. Onde é realizada homenagem a Lord Shiva, numa celebração considerada o maior e mais importante festival hindu a ter lugar fora de território indiano. É o Maha Shivaratri - o mais emblemático acontecimento destas ilhas a que hoje chamamos República das Maurícias. o Local e maravilhoso.


Black River Gorges Vale

E o maior parque nacional de Mauríciu.Você irá descobrir um patrimônio natural único pois é considerada uma das florestas mais ráras do mundo. Além de ter umas vistas panorâmicas incríveis você irá aprender sobre os nativos, vegetação, aves ráras, mergulhar em rios e cachoeiras e inclue piquenique.

Vocês podem participar também do RIVER ADVENTURE TREK que é uma combinação radical de Trekking, escalada e natação em rios, cachoeiras e lagos. Não tem melhor forma da conhecer a ilha. Duram 4 horas e o preço por casal é em média de 100 euros. Inclui um excelente almoço
Os passeios a cavalo são realizadas todos os dias pela manhã ou durante a tarde, e são planejadas cuidadosamente de acordo com o nível de equitação dos pilotos para que cada piloto terá a certeza de desfrutar o passeio e ter momentos memoráveis
Explore a ilha e viva uma aventura emocionante com vistas de tirar o fôlego. Desfrute à pé, bicicleta ou caiaque os campos, rios, florestas tropicais e praias inesquecíveis.

PASSEIOS DE LUXO

Existem pacotes de luxo para você curtir sozinho ou bem acompanhado como este descrito abaixo:

Ilot Mangenie

Passe um dia em de luxo com um tratamento real para desfrutar o máximo com muita privacidade. Desfrute de um dia relaxante de sol, areia branca e águas turquesas quentes na ilha - Ilot Mangenie.
Ilha administrada e propriedade do luxuosos Le Touessrok Hotel; um dos melhores hotéis de Maurícius e um dos principais hotéis do mundo. Dura aproximadamente 7 horas e o preço por casal é de 170 euros. Inclue também o almoço no hotel.

Fotos Abaixo desde empreendimento:


Vídeo muito bom para ver e transmitir oque uma semana na ilha tem a oferecer.
video



Existem mais coisas a serem visitadas. Procurem !!

Por: Alan Figueroa